aqui pelo campo

Um presente na minha vida

Deixe um comentário

Imagem

Cheguei da caminhada noturna com o Mateus  que já há alguns dias não via satisfeito o seu maior desejo. Eu acabo de jantar e ele já está a minha porta quase de trela na boca para ir passear pela aldeia. É o meu mais recente companheiro, um Golden de 9 anos, já pacato e extremamente afável. Nada tem a ver com o meu impetuoso Tiro que não se deixava prender por ninguém, e que viveu uma viva curta, e cheia de dificuldades até me conhecer. O Mateus retrata muito bem a calma que agora sinto. Arejados e de volta, regresso ao meu atelier e sento-me para contar que há alturas na nossa vida muito curiosas. Nestas duas ultimas semanas houve um dia em que me sentei de manhã, peguei num papel e re-escrevi o meu projecto de vida. Afinei-o por assim dizer, face as coisas que vivi e que me posicionaram melhor relativamente áquilo que quero construir. Embrulhei o papel num outro, de arroz, algo delicado e guardei-o numa gaveta especial onde guardo os meus pedidos e decisões. Pois apartir dai, parece que dei a volta a uma chave que pôs a funcionar toda uma engrenagem que mudou coisas importantes na minha vida. Um delas mais intima e depois, a casa. Mudei a minha sala numa volta de 180e (e aqui faço justiça a uma amiga Brasileira que me ensinou os principios basicos do Feng Shui, que é o trabalho dela. Arrumar casas pelo mundo inteiro e mudar vidas em consequência disso. Tem historias incríveis) e, ao mudar a sala lembrando-me dela, coloquei tudo no maximo de conforto salientando o lado pratico e sobretudo funcional onde nada empanca com nada. Ainda está em construção porque agora vou ter de fazer as niquices, mas o grosso já esta. Hoje sentei-me a tomar o pequeno almoço com a luz da janela e pergunto-me, como nunca me tinha lembrado de colocar a mesa ali. Faz todo o sentido!

Comecei hoje o meu dia a dar seguimento a mais uma tarefa e enveredei por várias e, neste momento estou exausta na verdade. Arrumei a minha dispensa, arrumei o meu armário das mercearias, e deitei mãos á obra no atelier porque para a semana vou ter visitas, mas também porque já estava a precisar de voltar a dar função correcta ás coisas. Ficou lançado o caos, porque não sei desarrumar arrumado, mudei moveis, experimentei confortos, e agora já com muito maior objectividade deixando de lado o gostar mesmo não sendo pratico…já não faço isso!! e toda esta parada durou o dia todo. Já tropeçava no Mateus que se abrigava da chuva com tanto espaço na quinta…ai…. mas finalmente sento-me agora aqui com o trabalho todo feito e olho para trás e dou conta da quantidade de arrumações que fiz aseguir a arrumar a minha vida popr escrito naquele papelinho…

Entra a minha senhoria e amiga (Ela de 70 e eu de 46)

-Ai Gracinha não fiz nada hoje (sentimento de culpa de uma mulher muito activa…)

– O meu pai se fosse vivo iria gostra muito  de si (já ouço isto há bastante tempo e acho que o sentimento seria reciproco)

– Se o meu pai visse esta adega, como ela está agora, não iria acreditrar. Esta quinta nunca viu arte e foi preciso vir a Gracinha para aqui se respirar arte.

-Entãoo. anda na mennage?? pergunta depois da dissertação

-Ai D. Isabel, arrasto tranta tralha atrás de mim, porque será?? constatava eu perdida no meu de tralha imensa

– Tem toda a razão,. se fosse eu já estava tudo no lixo…

– Olhe volte para a caminha que agradeço muito mas assim não ajuda nada!!! Digo eu em tom de brincadeira ja usual entre nós

– Volto sim, já lhe dei cabo da cabeça, mas olhe, se estivesse aqui a minha avó e ouvisse a musica que a Gracinha está a ouvir diria

“Esta musica é daquele estilo – caga cão, caga cão, já cagaste?? ainda não”

Brincadeiras destas são o prato do dia aqui aliadas ás memorias de uma avó a quem ela puxou em tudo!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s