aqui pelo campo

…e por tudo isto, não desesperem!!!

1 comentário

Hoje o que deixo aqui é saídinho do coração.
Acontece ao longo do percurso de vida que temos, ter de mudar certas coisas nas nossa vidas que nos apovoram pelas incertezas que vão provocar certo? 
Seguir o caminho da felicidade diz respeito a cada um segundo as escolhas que faz, mas há pessoas que tem mais facilidade e outras a quem é terrivelmente custoso (enquadro-me aqui), porque se pesam os prós e os contras a vida toda, porque estamos conformados, porque não queremos conflitos e nem des-harmonizar, porque vai doer muito!
Isso eu deixo em aberto porque acho que é da capacidade de cada um e, do percurso de cada qual. 
MAS
Posso garantir o seguinte:
Quando enveredamos pelo caminho da nossa verdade, caminho esse que invariavelmente vai tocar várias áreas da nossa vida. Relacionamentos, trabalho, metas pessoais, amor-próprio, auto-estima, força, virtude, honestidade…é certo que no ano seguinte vamos viver mil e uma situações que vão pôr á prova todas estas virtudes, certezas, in-certezas, vamos-nos sentir felizes…mas perdidos, com duvidas… mas com uma certeza interior que estamos no caminho certo, vamos passar dificuldades…. mas do outro lado mora a esperança, vamos conhecer pessoas, vamos viver novamente as mesmas coisas e vamos apercebermos que elas estão a acontecer novamente, coisa que antes nem dava-mos conta, ou seja, demos um passo para a frente e vamos dar alguns para trás e isso é do melhor porque ganhamos algo valioso e que é,
distanciamento…analise…e capacidade de nos distanciarmos e pensarmos com calma dentro do nosso ritmo
Vamos chorar, praguejar, não dormir uma noites, descobrirmos-nos, sentirmos-nos sozinhos, um mundo de coisas boas, outras preocupantes, outras mesmo mágicas.
MAS
…ao fim desse tempo se a certeza que tivemos a fazer as coisas, que vai diminuindo na sua indecisão for mesmo uma certeza, aí tudo vai começar a rodar como uma engrenagem e que parou, e que lentamente começa a sentir a brisa fresca que corre e, lentamente começa a mexer as roldanas, e suavemente começa a andar para a FRENTE!
Olha onde eu já vou!!!
Isto para dizer que:
Não teria sentido dizer uma coisa sem a outra por isso me estiquei.
Durante um ano, que foi uma viagem, fiz essa viagem sem aquilo que noutras alturas da minha vida nem pus em questão viver sem. Coisas básicas, que aumentam o nosso nível de conforto e ás quais temos direito, mas agora com a vantagem de saber que podemos a qualquer altura desligarmos-nos delas e que não nos possuem.
Saí da minha casa só com a roupa, e meia dúzia de coisas absolutamente essências que coubessem dentro do meu carro, candeeiros para poder, ler, livros…aí estiquei-me…roupa de cama, alguma louça, os meus documentos e alguns brinquedos certo!!
Ao longo deste ano, construí as minhas bases assentes nessa meia dúzia de coisas, mais algumas que me emprestaram, outras tantas que me deram amigos,… um aspirador, um fogão, um secador de cabelo, coisas sem muita importância. Vivi sem tomar como prioridade uma luz de tecto que detesto, um candeeiros que fazia parte da casa que, detestava também, as torneiras não funcionarem, o tecto ter humidade, o gaz ter de durar mais e por isso o frio se sentir mais…etc. 8não vou entrar em outras bem mais preocupantes) 
Mas ao fim de um ano e quase meio, vejo as coisas a comporem-se.
-Descobri a minha verdadeira profissão a ponto de me relaxar totalmente, coisa que nunca senti, sabendo no entanto que é um caminho que vai crescer e isso depende de eu nunca parar.
-Aos poucos fui “construindo” a “minha” casa (hoje vejo como vantagem não ter nenhuma de facto, embora tenha uma…)
-Arranjei a luz, mudei os ditos candeeiros, vou compor o wc…pintei…
-Já tenho um aspirador novinho que trouxe agora e que, ao aperceber-me da singeleza da compra, neste caso, ter o meu primeiro aspirador da minha nova vida…ihihih,  me dei conta que bocadinho a bocadinho me vou construindo  sobre as minhas próprias premissas que incluem, merecimento, orgulho em ser capaz, e tantas outras… e por isso estou muito feliz.
Não podia deixar de vir aqui partilhar porque sei de muita gente com a corda no pescoço para sair de um emprego, ou mudar de vida e aqui fica o meu alento simples mas verdadeiro
“NASCEMOS, MORREMOS, VOLTAMOS A NASCER E PROGREDIMOS SEM CESSAR, ESTA É A LEI”

Um pensamento sobre “…e por tudo isto, não desesperem!!!

  1. E eu, que quase ao mesmo tempo fiz uma viagem semelhante, confirmo: é verdade!! Beijos, Graça!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s