aqui pelo campo

One love you got to share it, it leaves you baby if you don´t care for it …Johnny Cash

Deixe um comentário

DSC06912

Eram ontem nove da noite:

“Sento-me finalmente no meu sofá de couro rodeada de almofadas ás florzinhas nesta minha recente tónica country!
Sinto-me bastante exausta hoje, sexta feira de uma semana com algumas tensões e muita paz também. Semana de emails, telefonemas, que corroboram um sonho que uma certa noite tive, numa altura bem difícil da minha vida. Sonhei com uma frase ao acordar como um sussurrar no meu ouvido que bailou na minha cabeça numa certeza o dia todo. Essa frase dizia “para passar tens de ajudar”. Foi depois disso que o meu blog se tornou mais envolvente , nesta partilha de situaçãoes que vou vivendo.
Os muidos espraiam-se pela casa, o jantar faz lentamente no fogão, chove lá fora tal como o rio que corre São Paio abaixo. Tento escrever á mão este post, interpelada pelo constante contar do António e pelo miar do Nhau. O clima é de tamanho bem estar , que se torna difícil descrever o meu sentir.
Passei a tarde toda a pintar entre a adega e a casa, totalmente sozinha para contrapor o dia que iria ter hoje,  e no final trago para o campo uma sobrinha que já sonha com a quinta, o tanque, as cabrinhas, os cheiros que ela própria já reconhece e recorda como, os cheiros da tia Graça. Memória que me agrada tanto!!
Nestes últimos meses tantas foram as mudanças, com as decisões proritárias que tive de tomar, tanta gente me pergunta, se revé, desabafa , chora , tanto sonhos se acalentam, tanto tempo se desespera que venho aqui fazer sentir que o silêncio conquistado a pulso nos trás serenidade, maturidade, capacidade de comando que não imaginavamos ter, preocupações esfumam-se e os nossos filhos agradecem sobretudo o bem estar de uma mãe que ganhou novamente a honestidade do seu sorriso!

DSC06911

A minha pintura saí de dia para dia com maior ligeireza e menos agravo. Já não uso lápis, pinto directamente com o pincel, sem medo, em qualquer lado, em qualquer situação, rodeada de tintas e do meu escrever também, extensão que me vai do coração á mão e saí como um rio que desagua no meu blog.

DSC06893
DSC06892DSC06884Nova vida / New life

Vivo estes momentos tão tranquilos, tão envolvida dos meus filhos, e de pessoas que me encontraram e que apaixonam. Amizades que não tem preço.
Um acordar saboroso na algazarra da passarada, do lento correr da água do tanque, uma carinho cedo que já não dispenso mas que vai transformar a minha vida numa doce convivência de maturidade que só uma determinada fase da vida nos faz despertar. A falta de pressa, o colmatar da solidão, o viver algo que já não se esperava como uma dádiva vinda do céu em resposta aos nossos divagares. A volta á terra dos filhos chorados.

Nova vida / New life
DSC06879
DSC06878
DSC06877

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s