aqui pelo campo

Nunca desejar a vida dos outros*

14 Comentários

DSC04720
Estou a escrever-vos assim, meia “tola”, cá fora, porque está um cheiro a lenha inebriante que não posso deixar de usar como inspiração. Peguei num bloquinho e estou a despejar o céu estrelado que carrego em cima da cabeça, repleto de nuvens que parecem pedaços de algodão branco, de head-phones, a ouvir “your body is wonderland” de John Mayer, e a deixar ser o meu coração a falar, e assim sendo, este post hoje, é dedicado ao meu filho mais velho que vive já sozinho, construíu a sua vida em passos de gigante e que a ele lhe parecem pequenas formigas em carreiro obedientes em que uma delas tem vontade de se pôr a dançar esta musica, mas, não consegue…ainda!! Isto é um bocado código e por isso eu peço desculpa, mas como vou falar aqui um pouco do meu dia vou tentar servir de espelho para aquilo que tento transmitir aos meus filhos e que nem sempre consigo de uma forma verbal , ou, pior, não estou para isso, ou seja, tudo tem o seu momento.
Se reparam com atenção e aqui sublinho que é um exercício de atenção, o nosso dia é feito de pequenos “nadas” que desvalorizamos totalmente, ou na maior parte das vezes nem vemos. Então, se chove dizemos …” Bolas, estou farto, preciso de sol!!” , mas, nunca dizemos “que belo dia de chuva” e tiramos partido de chapinhar os pés numa poça, ou de respirar o cheiro a terra molhada, ou até de ter o prazer de secar o cabelo dos nossos filhos com uma toalha quando chegamos com eles da escola. Tudo isto é PURO PRAZER, porque temos todas as nossas capacidades motoras para o fazer.Ponto! E que bom que é!

DSC04717

Então, madruguei a caminhar, e a partir daí foi um correr de momentos que agradeci ao longo do meu dia. Uma conversa com uma amiga que partilha comigo os seus anseios e ouve os meus, o conhecer de uma senhora plena de força com quem há muito troco carinhos mas, que só hoje tive o prazer de conhecer e que em momentos complicados me ofereceu o seu saber, um almoço de plástico, o voltar ao campo, ou seja…respirar o ar que amo, o ir buscar o A. e trazé-lo feliz num “reupeupeu” a dada altura cansativo, um lanchinho de gulodice, o parar em São Paio para fazer 30 minutos de companhia a uma amiga que ao contrário de mim, suspira com saudades do seu Porto e que trocou comigo receitas de frango com caril.  Que, o descrever da dita receita durou todo o tempo, entremeado com histórias e curiosidades, e, de repente estava eu debaixo de um alpendre difícil de descrever, em que a vinha percorre a entrada da porta e nos protege até  a um jardim de recantos e tanques, couves e nozes a secar ao sol,  fruta doce e  hidrângeas Outonais de cores ensurdecedoras. Parei, para respirar tudo aquilo no meio da minha vontade de estar ALI e de ter de ir embora para trabalhar, mas o momento foi plenamente desfrutado em cima de uma almofada de chita de alcobaça com um enorme folho e corações em ferro que adornam tábuas que outrora foram casas de andorinhas. Tão bonito, tão autentico e tão meu, este bocadinho. E agora, estou para aqui com este relambório todo, á luz das estrelas e a querer dizer que, aprendi tudo isto com um enorme esforço, muita leitura, atenção redobrada nos conselhos e muito ajustamento, e, se a minha vida que ainda vai dar muitas voltas, ainda me mantem em situações menos agradáveis, é porque o meu papel ainda nao terminou, ALI. E que não obtemos nada por acaso, e nada que não possamos suportar, muito embora por vezes carreguemos o céu em cima das nossas cabeças prestes a cair a todo momento, ele não cai, permanece e algo de bom acontece. Permitirmo-nos viver cada momento, cada experiencia, cada culpa e cada erro é estremanento dificil, tanto como é necessário.

DSC04716 DSC04714

E vocês olham para tudo isto e pensam “com tudo isso, para ti é fácil” e eu refuto, foi terrivelmente dificil, doloroso, demorado, dispendioso, uma lição de vida, andei, errei, asneirei, mas descobri-me e depois de tudo isto, SIM, SOU FELIZ.

DSC04725
DSC04724
DSC04722

Desejo-vos o mesmo. Serem autênticos!

14 pensamentos sobre “Nunca desejar a vida dos outros*

  1. Bonito o post de hoje Graça! Acredito em cada palavra que escreves, acho que só precisamos de estar atentas, aos sinais :)Bjs***

  2. Bom dia.De todos os posts: o mais significativo que li aqui.Grata – apenas isto.Tem uma Alma bonita e grande.1 beijinho,

  3. Que maravilha!!!!!!!Sou uma seguidora fiel e silenciosa, continue sempre a escrever.É uma pessoa luminosa que nos enche a alma.Obrigado por todas as palavras cheias de sentimento e autenticidade:))))

  4. Que lindo este post, obrigada por todos estes alertas que nos vais dando para apreciar a vida de forma positiva e dar valor, realmente ao que importa.E que linda mensagem de encorajamento para o teu filhote independente e lindo.Venho aqui todos os dias e tenho aprendido muito com o que escreves,obrigada Graça. Ainda hei-de conhecer-te pessoalmente, não posso passar sem faze-lo um dia…Beijinhos para todos.Ah! lindas hortencias

  5. Obrigada por estas palavras!De facto,cada vez acredito mais que as coisas simples da vida,são as que devemos viver mais e as que devemos dar mais atenção.Temos tanto que agradecer diariamente,e tantas vezes só sabemos reclamar…Bjs Inês

  6. Olá… venho sempre aqui espreitar, acho tudo fantástico e muito haver com minha vida… por isso volto, sempre!!!Abraços de Porto Belo – Santa Catarina -Brasil

  7. Gosto tanto de vir aqui…Obrigada pelas sábias palavras. Todos os dias tento chegar à cama com um sorriso, agradecer os pequenos"nadas"da vida, semear alegria para colher felicidade. Ás vezes esqueço-me (daí ser bom passar por aqui, para me lembrar), nem sempre consigo, mas tento. É bom saber que há mais gente a fazê-lo.

  8. Bem, hoje fiquei agradavelmente surpreendida com todas estas surpresas, carinhos, beijinhos á laia de confidencia. Decidi não responder uma a uma, ate porque hoje estou aqui desejosa de ir dormir, mas, não sem antes dizer aqui algo que vi hoje no filme EAT PRAY AND LOVE , e que para mim teve todo o significado e que se encontra no caminho que atravessamos!! Os sinais…são todas aquelas coisas que no percurso das nossas incursões na mudança nos deixam surpreendidos. Coincidências estranhas, coisas que nos deixam a pensar, links. Esses sinais mudam a nossa vida acreditem e aquilo que voces me deram, hoje, aqui foi um sinal de que aquilo que eu vivenciei e ainda vivencio é algo que eu devo partilhar e que esta também nas minhas "escrituras" …partilhar versus ajudar.Desejo-vos a todas a felicidade que descobri na interpretação da minha vida, dia a dia . …e nao pensam de mais!!:-))Um beijinho muito grande para todas as minhas convidadas.Graça

  9. um bj Graça!!!passamos os dias a pensar demasiado no que correu mal, nas coisas que não fizemos, na correria de um lado para outro, "o que é o almoço?", "o que é o jantar?", "já fizeste os TPC's?"………e não damos pela vida, a verdadeira vida🙂 a passar por nós :(precisamos que aconteça uma verdadeira tragédia ao nosso lado para finalmente cairmos em nós e dar-mos verdadeira atenção aquilo que realmente importa!! tenho de dar mais atenção aos filhos, aquilo que realmente me faz feliz, a vida passa a correr e para alguns ela não chega a dar tempo, é o caso de alguem muito proximo de mim.obrigada por estes momentos, por estas chamadas de atenção.um bj enorme

  10. Às vezes não leio no dia, mas assim que posso, passo revista nos seus posts. A Graça é uma inspiração para o dia-a-dia. Bem haja!!! Desejo-lhe o melhor do mundo.

  11. De facto, por vezes damos pouco (ou nenhum) valor às pequenas coisas boas que vão preenchendo o nosso dia-a-dia.

  12. É tão bom escrever à luz das estrelas…Eu costumo dizer: "Percam-se dentro de si próprios. Que se vão "reencontrar" em si mesmo" … (Adorei o post). Obrigada.

  13. Obrigado mais uma vez a todos os deliciosos e inspiradores comentários :-))

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s