aqui pelo campo

No meu altar*

Deixe um comentário

Daquele antiquário / From that Chineur
A minha colecção de pequenas estatuetas tem vindo a aumentar sempre que decido fazer aldo por puro prazer. Este Chinês comprei-o neste antiquário e foi amor á primeira vista. Se me quiserem ajudar a decifrar fico muito agradecida.
De volta ao meu Castelo com as algibeiras plenas de fotografias que relatam um Portugal comovente na sua beleza, e com muitas curiosidades que irei aqui publicando. A partir de amanhã começa o trabalho a sério aqui no atelier, vou ter de fazer muito, em pouco tempo e a par disto, tenho em ideia fazer pelo menos uma vez por semana, um pequeno video sobre algo que me apaixona e partilhá-lo aqui, e isso pode acontecer de mil e uma maneiras, vamos ver!!
Comecei também um diário de alimentos, porque quero iniciar a tal mudança, e, durante o dia de hoje tomei nota que tudo o que comi. Não fiquei de todo desagradada porque a quantidade de doces já tinha sido radicalmente banida da minha dieta desde á dois anos a esta parte o que torna tudo muito mais fácil de suportar. Espero conseguir levar esta empreitada até ao fim.

Daquele antiquário / From that Chineur Daquele antiquário / From that Chineur

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s