aqui pelo campo

Deixe um comentário

Nascido na França, Émile Coué descendia da nobreza britânica. Chamado “o pai do condicionamento aplicado” — expressão controvertida —, Coué aprendeu hipnose com Ambroise-Auguste Liébault (fundador da “Escola de Nancy”). Em 1913 fundou a “Sociedade Lorraine de Psicologia Aplicada”. Seu livro Auto-maestria por auto-sugestão consciente, causou enorme sensação quando da publicação na Inglaterra, em 1920 e nos Estados Unidos, em 1922.

Coué introduziu um novo método, o estímulo do self pela auto-sugestão consciente. Modificou a teoria de Abade Faria, ao propor que a auto-sugestão flui da mente, mas um primeiro estímulo pessoal a aciona. Ao repetir palavras ou imagens como auto-sugestão à própria mente subconsciente, a pessoa pode condicioná-la, e, então, a mente condicionada produzirá um comando autogênico quando necessário. Seu mantra familiar, “Todos os dias, sob todos os pontos de vista, eu vou cada vez melhor” (Tous les jours à tous points de vue je vais de mieux en mieux), às vezes é conhecido como Coueísmo, ou Método Coué. O método depende em parte da repetição rotineira de uma fórmula (princípio da auto-sugestão), obedecendo espécie de ritual, no inicio do dia (ao despertar) e no final do dia (antes de adormecer).
Coué dizia que nunca curou ninguém, apenas ensinava as pessoas a se curar. Porém, não há duvida de que tais curas aconteceram de fato — estão bem documentadas — mas o método Coué praticamente desapareceu desde a sua morte, em 1926. Algumas vezes se diz que se esse método fosse tão complexo que apenas especialistas pudessem aprender a praticá-lo, certamente continuaria sendo usado até hoje. Mas é um método simples. Todos podem aprender a praticá-lo. Sua essência está no Controle Mental. Nele há dois princípios básicos:
Só se pode pensar numa coisa de cada vez, e
Quando se concentra num pensamento, esse pensamento torna-se verdade porque o corpo o transforma em ação.

Born in France, Émile Coué descended from British nobility. Called “the father of conditioning applied” – expression at -, learned hypnosis Coué with Ambroise-Auguste Liébault (founder of the School of Nancy). In 1913 founded the Lorraine Society of Applied Psychology. ” His book for self-mastery self-conscious suggestion, caused great sensation when published in England in 1920 and the United States in 1922.

Coué introduced a new method, the stimulation of the self by the self-conscious suggestion. Modified the theory of Abbot Faria, to propose that self-suggestion flowing from the mind, but an initial stimulus triggers the staff. By repeating words or images as self-suggestion to the subconscious mind, the person may affect it, and then the mind conditioned autologous produce a command when necessary. His family mantra, “Every day, from all points of view, I will even better” (Tous les jours à tous points de vue je de mieux en mieux you), sometimes known as Coueísmo, or Method Coué. The method depends on the routine repetition of a formula (the principle of self-suggestion), following sort of ritual, early in the day (when awake) and the end of the day (before sleeping).
Coué said that never healed anybody, just teach people to heal. However, there is no doubt that these cures were in fact – are well documented – but the method Coué virtually disappeared since his death in 1926. Sometimes they say that this method was so complex that only experts could learn to practice it, is certainly still used today. But it is a simple method. Everyone can learn to practice it. Its essence is in Control Mental. It has two basic principles:
One can only think one thing at a time, and
When focusing on a thought, that thought becomes true because the body turns into the action

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s